Em três meses, Ministério do Turismo finaliza entrega de 175 obras no país

Ao todo foram investidos R$ 104,1 milhões. Outras 900 obras devem ser finalizadas até dezembro

Entre os meses de fevereiro e abril deste ano, o Ministério do Turismo verificou a entrega de 175 obras de infraestrutura turística em todas as regiões do país. O investimento total dessas obras foi de R$ 104,1 milhões. O número é resultado de um levantamento inédito realizado pela Pasta, por meio da Secretaria Nacional de Estruturação do Turismo, com o intuito de ter um maior gerenciamento e monitoramento sobre o desenvolvimento das obras do setor nos municípios brasileiros. A expectativa é de que, até o final do ano, outras 900 obras sejam entregues pelo Brasil, melhorando a estrutura do setor de viagens e turismo no país e contribuindo, assim, para o fortalecimento da atividade.

Entre os projetos entregues estão a revitalização de praças, aquisição de equipamentos, construção de centros de eventos, pavimentação asfáltica, entre outras. Projetos como esses propiciam maior conforto aos turistas que visitam essas regiões.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, relaciona os bons resultados ao monitoramento ostensivo iniciado neste ano pela pasta. “Nós temos implementado uma ação de gerenciamento efetivo das obras ativas do ministério, olhando com mais detalhes, identificando quais são os gargalos, quais são aquelas que eventualmente tem pendências de liberação de recursos. Isso só está sendo possível, a partir da realização deste novo processo, que iniciamos neste ano”, destacou.

Ao todo, 23 estados brasileiros tiveram ao menos uma obra entregue no período. Essas obras são fundamentais para ampliar a oferta de atrativos turísticos e promover o desenvolvimento regional, além da possibilidade de aumentar o número de visitantes nessas áreas, impulsionando assim o surgimento de novos empreendimentos, gerando mais empregos e renda para a localidade.

Os empreendimentos são realizados, preferencialmente, nos municípios que constam no Mapa do Turismo do Brasil. A ferramenta do Programa de Regionalização do Turismo Brasileiro é um instrumento de transparência reconhecido pelo Tribunal de Contas da União (TCU) para melhorar a aplicação de recursos públicos em destinos que adotaram o turismo como estratégia de investimento e alternativa de retorno econômico. Os recursos são provenientes do orçamento da Pasta e das emendas parlamentares apresentadas ao MTur.

 

Por: Victor Maciel | Ministério do Turismo